Tag Archives: android TV

K1 Plus Combo como editar listas de canais com PC

1) No menu de DTV fazer backup de settings para microSD.
2) Inserir micro Sd no PC e de seguida entrar no seguinte website:
http://k1plus-channel-editor.arrakis.pro/register.pl

no campo para upload selecionar ficheiro: dtv_user_data/dvb_s_mw_s1


3)Depois podes ordenar os canais ou fazer listas de favoritos. Quando tudo feito é guardar tudo para o MicroSD.
4) Por ultimo inserir Micro Sd no K1 plus combo, ir a DTV-Menu -Configurações e carrega backup.

K1 Plus Combo DVB-S/S2 DVB-T2 4K Android TV box – análise em Português

Em 2016 já ninguém fica surpreendido com conteúdo e canais de qualidade 4K. E como óbvio, cada vez mais aparecem recetores e TV boxes com capacidades de processar imagens 4K, de toda a forma e feitio.

Depois de várias tentativas falhadas em casar Android com DVB-S ( GI Fly, Optibox, Amiko, parcialmente Wetek) usuários mais experientes, tal como eu, ficam com um pé atrás quando ouve de combinações Android + DVB-S/S2.

Hoje vou falar sobre a Android TV Box K1 Plus Combo. Será que finalmente temos um vencedor?

K1 Plus Combo é uma versão atualizada do modelo K1 TV Box. Esteticamente bem feito, no seu núcleo encontra-se o novo processador Amlogic S905 Quad Core de 64 bits de 2,0 GHz  com Cortex A53 que suporta descodificação UHD 4K @ 60fps HW, e  vários outros formatos, incluindo H.265 10-bit, H.264, AVS + e também 1080p FHD @ 60fps HW codificação H.264. K1 Plus vem equipado com um sintonizador de TV Digital: DVB-T e um, sintonizador DVB-S/S2. Versão de Android é Lollipop(5.1.1.). Mais podemos mencionar Gigabit ethernet e Wi-Fi 802.11 b / g / n embutido.

ESPECIFICAÇÕES

CPU: Amlogic S905 – Cortex A53 64-bit, 2.0GHz
GPU: Mali-450MP
RAM: 1GB DDR3
Memória interna: 8GB eMMC
802.11a WiFi / b / g / n
Ethernet: 10/100 Mbps
4xUSB 2.0
Saída de vídeo: HDMI 2.0 4K @ 60Hz. Jack AV 3,5 milímetros
SPDIF óptica
Sintonizadores: DVB-T / T2 e DVB-S / S2 com conectores separados
Android 5.1.1 Kitkat
Tamanho: 13 x 12 x 3,2 cm
Peso: 186gr

DESIGN E CONEXÕES

K1 Plus Combo é construído inteiramente em plástico preto menos na parte inferior que é cinza. No lado preto é brilhante, enquanto o topo é preto fosco com logotipo K1 Plus.

Na parte da frente do sensor de infravermelhos está escondido por trás da caixa de plástico.

No lado esquerdo temos o leitor de cartão micro SD, quatro portas USB 2.0 e o LED de status que continua até no topo.

Na traseira, temos a entrada de DVB-T2 e antena DVB-S2, saída CVBS analógica,  porta ethernet, saída HDMI 2.0, saída SPDIF óptica e conector de alimentação.

O LED tem dois estados; azul quando o dispositivo está ligado e vermelho quando ele está desligado (O dispositivo não pode ser colocado em stand-by).

O fundo é tudo de plástico com quatro pés de borracha. Há algumas aberturas e furos para pendurar. Temos também o botão de reset.

CONTROLO REMOTO

Controlo remoto IR, além das características habituais para Android, inclui botões para gerir sintonizadores. Com uma tecla dedicada para logo lançar a aplicação DTV (serviços de TV).

BOOTING, UPDATE, E PRIMEIRAS IMPRESSÕES.

Do momento que se liga o K1 Plus Combo até vermos o familiar launcher MBOX , passa pouco mais de 40 segundos. Home Screen é bem simples de navegar e fácil de usar.

O software é bastante bom e rápido, com uma boa resposta, e nos nossos testes nunca encontramos alguma forma de slowdowns, ou perda de desempenho após estar ligado algum tempo.

Mais o menos no meio da tela podemos adicionar várias aplicações favoritas a nossa escolha. A baixo temos quatro shortcus pre-definidos.

Como se tem a Google Play Store à nossa disposição, basta simplesmente procurar por um launcher que lhe agrade e personalizar à sua vontade, se não gostar nenhuma da oferta inicial.

K1 Plus combo tem também DLNA, Miracast e Airplay.

Não tive nenhum problema com Ethernet e Wi-Fi de conexão para o meu router.

Tal como já habitual nestes recetores Android, K1 Plus combo tem updates OTA.

Existe uma secção para ativar o CEC de HDMI. Eu não tenho sido capaz de testar porque a minha TV não é compatível com esta tecnologia.

Existe também para os mais curiosos e aventureiros algumas imagens por terceiros para este modelo. Imagens não-oficiais de OpenElec, Neutrino e Enigma 2, mas estas imagens já caem um pouco fora do propósito deste texto. Mas se calhar no futuro iremos falar delas.

KODI E PERFORMANCE DE VÍDEO

Box vem com Kodi 15.1 pré-instalado, mas é preferível desinstalar esta versão e instalar a que se encontra na Playstore, por ser mais actual, e vir sem addons desnecessários pré-instalados.

Eis resultados de vários testes realizados pelo pessoal da cnx-software:

  • 264 codec / MP4 container (Big Buck Bunny) – 1080p – OK
  • MPEG2 codec / MPG container –  1080p – OK
  • MPEG4 codec, AVI container 1080p – OK
  • VC1 codec (WMV) – 1080p – OK
  • Real Media (RMVB), 720p / 5Mbps – OK
  • WebM / VP8 – OK
  • 265 codec / MPEG TS container (1080p) – OK
  • WebM / VP9 (no audio in video) – OK

Também vídeo 4K são razoavelmente bem suportados:

  • Club-4K-Chimei-inn-60mbps.mp4 – OK
  • sintel-2010-4k.mkv – OK
  • mp4 (H.265) –  OK
  • 2020.20140602.ts (Rec.2020 compliant video) – Stays in UI
  • mp4 – OK
  • Fifa_WorldCup2014_Uruguay-Colombia_4K-x265.mp4 (4K, H.265, 60 fps) – OK

Infelizmente nenhum dos vídeos 10-bit H.265 funciona de forma capaz e apresentável.

  • AC3 / Dolby Digital 5.1 – Audio OK (Dolby D 5.1), video not smooth
  • E-AC-3 / Dolby Digital+ 5.1 – OK (Dolby D 5.1) Na maioria das vezes, mas dois pequenos cortes ocorreu áudio durante a reprodução
  • Dolby Digital+ 7.1 – só PCM 2.0
  • TrueHD 5.1 – só PCM 2.0
  • TrueHD 7.1 – só PCM 2.0
  • Dolby Atmos 7.1 – só PCM 2.0
  • DTS HD MA – só DTS 5.1
  • DTS HD HR – só DTS 5.1

DVB-S/S2

Finalmente chegamos à parte que mais interessa e que destaca K1 plus Combo entre outras caixas de Android TV.

Com toda a responsabilidade e confiança posso afirmar que este é o melhor recetor DVB-S/ S2 com Android feito até agora. Tudo funciona simples, sem qualquer “danças” adicionais. Não precisas trocar ROM´s ou sistema operativo. Tudo funciona fora da caixa.

Para ligar serviços de TV usa-se a aplicação DTV, logo dá a opção da escolha de tuner – DVB-S2 ou DVB-T2.

Depois basta escolher o/os satélites, e configurar nossa ligação com antena e fazer pesquisa de canais.

Com a pesquisa completa também dá para organizar lista de canais numa lista de favorito.

K1 plus combo suporta cccam e newcamd. Para configurar os emuladores tens abrir menu “secreto”. Depois configuração é idêntica como nos recetores com Chip Ali (GI Mini, Matrix Lite etc.)

Qualidade de imagem K1 Plus combo é excelente tanto nos canais HD como no canais SD.

CONCLUSÃO

K1 plus Combo é realmente uma máquina impressionante com um foco para o futuro. Com preço modesto, aparelho promete ser capaz de aguentar com as tarefas de televisão ao vivo por satélite/tdt, como também um Android media player.

Casa-Digital agradece a www.sat24store.com pelo material prestado.

 

MK808B plus análise e opinião em Português

E mais algumas palavras sobre este equipamento!

O MK808B Plus demora um pouco mais de 30 segundos para fazer boot, e vai directamente para o launcher da MediaBox, já com uma resolução de 1080p. A Interface é extremamente limpa e eficiente com as aplicações todas nas suas respectivas ‘caixas’ e lugares, e facilmente navegadas com um controlo remoto, ou até mesmo um rato ou teclado.

Hardware

  • Processador: Amlogic M805 Quad-Core 1.5 GHz (Cortex-A5)

  • Gráficos: Mali-450 Quad-Core

  • RAM: 1 GB DDR3

  • Espaço: 8 GB NAND Flash, slot de micro SD (até 32 GB)

  • 802.11 b/g/n WiFi e Bluetooth 4.0

  • Mini HDMI

  • Portas USB

  • 1 USB 2.0 para periféricos(harddrives)

  • 1 mini USB OTG

  • 1 mini USB para alimentação

Para o tamanho e preço, o MK808B Plus tem uma qualidade de construção impecável, e devido ao seu tamanho tem uma portabilidade incrível. O Mk808B Plus peca mesmo pelo seu wireless fraco(cuja opinião varia de péssimo a funcional) e de não trazer um cabo adaptador de ethernet já na caixa.

O MK808B Plus não vem com controlo remoto próprio, mas um remoto simples de Android irá funcionar. Existe também uma aplicação de controlo remoto recomendada mesmo pelos criadores deste aparelho, RemoteIME(testado só em Android), só que sinceramente não recomendo. No entanto apesar de ser uma aplicação facil de usar e ter tudo o que é preciso para controlar o aparelho, a performance da aplicação é abismal, experimentei num Moto G(2ºgeração) e em 5 minutos de uso o smartphone começou a aquecer a um nível que nunca observei e o consumo de bateria era louco.

Software

Mk808B Plus vem com Android KitKat(4.4.4) instalado de raiz com a Google Play Store, e ao contrario de muitas outras streamsticks ou mini Android PC’s, o MK808B Plus é completamente aberto e [i]rooted[/i]. Não irá estar limitado a uma loja virtual ditada por uma companhia, nem se precisa de preocupar com os últimos truques de jailbreaking. Pode instalar aquilo que quiser, incluído sideloading apps que não existem ou deixaram de existir na Play Store.

Kodi vem instalado de raiz, no entanto é ainda a versão Helix(14.1), mas a versão mais recente do Kodi, Isengard(15.0), já se encontra na Play Store, e na sua versão mais actualizada. Outras aplicações de media player como Plex ou Emby podem ser facilmente adquiridas da Play Store.

Outras aplicações já instaladas são o Skype, Youtube, e Netflix, e com a chegada do ultimo a Portugal este Outono fica aqui uma boa opção para correr Netflix na sua TV.

Media Player

O Kodi que vem instalado de raiz já traz alguns addons como Genesis, SportsDevil, e Navi-X. Não encontrei problemas alguns em fazer funcionar vídeos a 720p ou a 1080p da mais variedade de formatos, mas como a versão Kodi que vem instalada já é duas versões antigas, recomendo de qualquer maneira a arranjar a mais recente a partir da Play Store. Também testado com aplicações Plex e Emby, sem problemas alguns na rede local.

Conclusão

O MK808B Plus pelo preço que se encontra é simplesmente imbatível e graças a sua natureza aberta e sim limites vai satisfazer a mais variedade de entusiastas.